Make your own free website on Tripod.com

 

Profª. Eliane Garcia Duarte

 

 

EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

 

O que é?

É uma graduação de nível superior, que habilita para concursos, pós-graduação, emprego e para o empreendedorismo. Prepara o ser humano para a qualificação no mercado de trabalho.

É um curso com realização em um tempo médio de 2 anos, pois está totalmente voltada ao desenvolvimento das competências e habilidades que interessam ao mercado de trabalho.

É uma formação que unifica ciência, tecnologia e trabalho, bem como atividades intelectuais e instrumentais. E forma o cidadão como ser político e produtivo.

Característica fundamental

A característica fundamental da educação tecnológica é a de registrar, sistematizar, compreender e utilizar o conceito de tecnologia, histórica e socialmente construído, para dele fazer elemento de ensino, pesquisa e extensão numa dimensão que ultrapasse concretamente os limites das aplicações técnicas, como instrumento de inovação e transformação das atividades econômicas em benefício do cidadão, do trabalhador e do país. O grande mérito desta modalidade não é o tempo de duração ser menor que os cursos superiores tradicionais e sim a busca do desenvolvimento acadêmico para a resolução de problemas específicos e de aplicação imediata.

 

O Tecnólogo

É um profissional de nível superior que tem como característica o foco nas habilidades e competências requeridas pelo mercado e no saber fazer, pensar e inovar, conquistando cada vez mais espaço no mundo empresarial.

Não é somente um executor de ordens que acaba não raciocinando. Ele exerce a função de tomada de decisões, relacionando-se com o superior hierárquico, o colega e o subordinado na execução de tarefas. É um ser reflexivo e crítico que possui funções intelectuais e instrumentais, dependendo da ação a ser tomada.

 

Base Legal

É regulamentada através da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei n. 9394/96, Resolução CNE/CP3 do Conselho Nacional de Educação, Ata de Autorização: 28/10/2003 – CONSEPE (através da autonomia concedida pelo Decreto 083/99 de 11 de fevereiro de 1999).

Requisitos de acesso

Ter concluído o Ensino Médio (segundo grau) e realizar processo seletivo especial, em que a experiência profissional tem relevante pontuação.

Educação Tecnológica no Brasil

Estes cursos existem há muitos anos, com vários Tecnólogos já formados em diversas Instituições de Ensino Superior brasileiras, tais como Universidade Paulista (SP), Centro Universitário Ibero-Americano(SP), Centro Universitário Nove de Julho(SP), Universidade Potiguar(RN), universidade(RJ), CEFET(SC e MT), Universidade Castelo Branco(RJ), Universidade Gama Filho(RJ), Universidade Anhembi Morumbi(SP) e outras.

 

Profª. Eliane Garcia Duarte

Coordenadora do Curso de Tecnólogo em Gestão de Empresas e Serviços

Coordenadora do Curso de Tecnólogo em Finanças e Auditoria Empresarial

Coordenadora Geral dos Cursos Tecnológicos

UNIANDRADE