Make your own free website on Tripod.com

HISTÓRIAS PESSOAIS

 

Momentos e pessoas que mudaram a vida de grandes líderes pessoais

 

Normalmente se diz que o líder é aquele que dá o exemplo. Parece lógico, portanto, pedir aos líderes de hoje que definam a boa e a má liderança. Harvard Business Review entrevistou diversos líderes do mundo dos negócios, da educação e das artes e fez a cada um deles duas perguntas: com que pessoa, experiência ou obra literária você aprendeu mais sobre liderança? Que pessoa ou experiência ensinou-lhe o significado da má liderança?

Embora as respostas fossem muito variadas, diversas curiosidades intrigantes vieram à tona. Talvez o dado mais notável tenha sido o fato de que muitos dos entrevistados tiveram seu primeiro contato com a liderança dentro de suas casas. Vários deles atribuíram ao pai ou à mãe, ou a ambos, o aprendizado dos princípios sadios de liderança. É também significativo o número de entrevistados que citaram lapsos pessoais como exemplo de má liderança. Outros ainda foram transformados por suas experiências no campo militar. Há também os que foram forjados pelos movimentos sociais dos anos 60.

Como não poderia deixar de ser, as histórias aqui reunidas fazem alusão a vários princípios e filosofias de liderança. Contudo, é com a prática, e não com as palavras, que essa liderança se expressa. É provável que seja essa a lição mais importante de todas: em última análise, a ação de liderar talvez nada mais seja do que isso -- ação. É coisa que se vê, e não sobre a qual se fala. O que conta, enfim, é o bom exemplo.

EXAME Edição(764)-12/04/2002